Parvi - Corretora de Seguros

16 de Junho de 2015 | 12h22

Contratação de seguros para grandes eventos pode se tornar obrigatória

SEGS: Fonte/Autoria.: SINCOR - SP

O Projeto de Lei Complementar 1/15 (PLC) voltou a ser analisado pela Câmara dos Deputados, com regime de prioridade. A proposta visa tornar obrigatória a contratação de seguro para eventos artísticos, culturais e esportivos. O funcionamento de boates e casas de shows passará a depender da aquisição de seguros, como o Responsabilidade Civil por danos pessoais.
 
Logo após o incêndio da boate Kiss, em Santa Maria (RS), que matou 242 pessoas, ferindo 116, o então deputado Armando Vergílio (SD-GO) lançou a proposta, que, a partir de agora, passa a ser de autoria do deputado Lucas Vergílio (SD-GO).
 
O documento pretende obrigar a contratação do seguro em boates, casas de shows, cinemas, estádios, teatros e similares, com valores mínimos e coberturas a serem determinadas pelo CNSP.
 
Em eventos de ingressos pagos, o PLC obrigará o organizador a contratar apólices coletivas de seguro de acidentes pessoais, com indenizações mínimas, por pessoa, de R$ 10 mil para morte, R$ 5 mil para invalidez permanente e R$ 2 mil para despesas médicas. Nesse caso, o ingresso deverá trazer informações sobre o valor do capital segurado individual, o número da apólice, nome e número do registro da corretora, além de nome e telefone da seguradora.
 
Antes de ser analisado no Plenário da Casa, o PLC deve passar pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

outras notícias

mais notícias

CENTRAL DE ATENDIMENTO

Aracaju/SE 79 3225-8770

Manaus/AM 92 3621.4424

São Luís/MA 98 3217.2928

Campina Grande/PB 83 3310.3328

Natal/RN 84 3606.3427

Salvador/BA 71 3480.7417

João Pessoa/PB 83 3208.1580

Recife/PE 81 3447.7770